Uso do Uber divide opiniões entre taxistas e defensores do aplicativo na Câmara Municipal
Por Redação Publicado 10 de março de 2017 às 13:18hs

A Câmara Municipal de Campo Grande foi palco de discussões essa semana de aprovação e contrárias em relação ao uso do aplicativo Uber que atua no serviço de transporte urbano. Representantes dos taxistas ocuparam a tribuna para nesta quinta-feira (9), para expor posições sobre a regulamentação do serviço e da abertura da CPI (Comissão Parlamentar de Inquérito) que pretende investigar as concessões de alvarás na cidade.

Para o presidente do Sintáxi-MS (Sindicato dos Taxistas de Mato Grosso do Sul), Bernardo Barrios, a categoria segue diversas normas, o que também em seu entendimento deve ocorrer com os usuários do aplicativo. “Nosso serviço e táxi não é uma máfia como a imprensa está falando, isso mancha a imagem do trabalhador que trabalha cedo, de madrugada para atender a população com um serviço de qualidade. Queremos aqui debater a situação e que tudo seja regulamentado e de acordo com o que a lei exige e que sejam direitos e deveres iguais”, disse o presidente.

Os parlamentares pretendem discutir em audiência pública a utilização do aplicativo no próximo dia 23, às 15h, no plenário Edroim Reverdito contando com a presença de representantes do Uber, taxistas e mototaxistas e da própria população da Capital.

Fonte:Taciane Peres – MS Notícias

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!