Suspeito de ser “cagueta”, presidiário apanha em Bataguassu
Por Redação Publicado 13 de fevereiro de 2017 às 13:22hs

O presidiário Rogério Francisco de Araújo (40), interno do Presídio de Bataguassu precisou ser socorrido às pressas no final da manhã desta segunda-feira (13), após ser agredido por colegas de cela. Segundo Rogério, dois colegas em sua cela, Admilson e Daniel lhe espancaram por volta de 11h.

O motivo segundo o preso, é os colegas suspeitarem que seja “cagueta” (denuncia colegas) e por isso o atacaram. Por conta da agressão ele sofreu ferimentos nos dedos da mão direita e braço direito. Após medicado, foi levado sob escolta na Delegacia de Polícia para formalizar a denúncia.