Entregue o anteprojeto de criação do Sistema Municipal de Esporte e Lazer
Por André Farinha Publicado 6 de outubro de 2017 às 18:14hs

Foi entregue na manhã desta sexta-feira (06) ao prefeito Marquinhos Trad (PSD) o anteprojeto de lei que cria o Sistema Municipal de Esporte e Lazer de Campo Grande. A proposta prevê uma política esportiva para a cidade, que passa a ter metas estabelecidas e objetivos definidos. A matéria define o modelo de estrutura, organização e funcionamento do esporte e do lazer na Capital, promovendo a sua prática formal e não formal.

Conforme o anteprojeto, entre os princípios da política de esporte e lazer do município estão a universalização do acesso aos bens e serviços públicos do esporte e lazer, seus programas e projetos; a democratização da gestão, com participação e controle social exercidas diretamente pela sociedade civil; e a diversidade das práticas esportivas com a liberdade de expressão de cada um, respeitando as diferenças de gênero, raça/cor, etnia, geração, pessoa com deficiência, entre outras.

Agora, segundo explicou o diretor-presidente da Fundação Municipal de Esporte (Funesp), Rodigo Terra, o Município irá analisar o anteprojeto e depois irá enviá-lo à Câmara Municipal como Projeto de Lei (PL) para ser apreciado e votado em plenário. “Com a aprovação da lei nós estruturamos a política pública de esporte e lazer para Campo Grande. No texto, contemplamos a criação de um conselho, de uma política, de um plano e de conferências, assim como o cadastro e a política de financiamento”, explica.

O documento foi entregue pelos vereadores, em cerimônia realizada na Câmara Municipal. O anteprojeto foi elaborado pela Comissão Municipal de Esporte e Lazer, e esteve em elaboração desde o dia 08 de Maio, quando a Casa de Leis recebeu um seminário que contou com a participação do ministro do Esporte, Leonardo Picciani. “Tenho a convicção de que este documento muda a história das políticas públicas de esporte em Campo Grande. Com certeza, este momento é importante para a gestão das políticas de esportes da cidade”, comemorou o secretário, que também presidiu a Comissão.

De acordo com o presidente da Casa de Leis, vereador Prof. João Rocha, “este momento é muito importante, principalmente para nós que estamos há muito tempo militando pela valorização do esporte. O esporte é uma ferramenta de transformação social e precisa ser tratado com muita dedicação e amor. Esta comissão tem serviço prestado com a entrega deste documento, principalmente, com a experiência de cada membro no esporte, por isso, este documento tem musculatura política”, reforçou.

Para o prefeito Marquinhos Trad, esse é um momento único para o Esporte. “Esse dia ficará registrado na galeria da história de profissionais bem sucedidos de Campo Grande, que doaram um pouco de sua trajetória de vida e de suas experiências para que a sociedade tivesse assegurado o direito ao acesso pleno às políticas do esporte e lazer”, destacou. A expectativa é que o projeto de lei seja entregue à Câmara já na próxima semana.