Cassems realiza campanha de doação de sangue entre seus os colaboradores
Por Redação Publicado 5 de fevereiro de 2018 às 12:23hs

Todo ano, no período de Carnaval, os principais hemocentros do país sofrem com estoque baixo e a falta de sangue. Foi pensando nessa situação que dificulta a vida de milhares de pessoas que a Caixa dos Servidores realiza uma campanha de doação de sangue entre seus colaboradores no dia 08 de fevereiro, quinta-feira. A campanha é realizada em parceria com o Hemosul, que disponibilizará um ônibus nos dois períodos, matutino e vespertino, para levar os colaboradores da Cassems até o centro de doação.

 Durante o período de Carnaval, os hemocentros têm uma baixa de seu estoque de sangue em torno de 20% e 30%, e ajudar a amenizar esse quadro é o motivo que levou a Cassems a criar a campanha.  O gerente de Recursos Humanos da Caixa dos Servidores, Luciano Coppini, destaca a importância da ação e o envolvimento dos colaboradores da Cassems.

 “Esse é um momento importante porque, historicamente, nessa época do ano, as doações de sangue despencam. Como nós somos uma empresa da área de saúde, sabemos a importância que é manter nossos bancos de sangue abastecidos para poder atender as demandas que acontecem especificamente por conta de acidentes. A gente ficou bastante feliz por conta da mobilização dos colaboradores, mais de 70 confirmaram a participação. Isso é muito gratificante”, afirma Coppini.

  A assistente social responsável pelo setor de captação de doação de sangue, Joana Lea Rodrigues, salienta a importância das parcerias como a firmada com a Cassems para que os estoques não fiquem tão defasados.

 “Já fizemos várias parcerias com a Cassems e é muito importante que aconteça mais parcerias como essa. Para nós do Hemosul é formidável esse tipo de ação para que os nossos estoques de sangue não fiquem tão baixos, principalmente nessa época de Carnaval. Nesse período, a gente sempre tem uma baixa procura para doação, então, buscamos parceiros, como a Cassems, para nos ajudar manter o nosso banco de sangue”, explica.

 Conheça os critérios para a doação de sangue no Hemosul

 – Documentação: Para doar sangue é preciso que você esteja munido de um documento oficial com foto, como a carteira de identidade ou de motorista.

 – Idade: Os doadores precisam ter entre 16 e 69 anos segundo a nova lei da doação de sangue aprovada em 2013. Há uma ressalva para quem tem 16 e 17 anos: o menor de idade tem que estar acompanhado de pai ou mãe ou responsável legal, ou então pode retirar na unidade de doação um modelo de declaração, levar para mãe ou pai ou responsável legal assinar e então reconhecer firma desta assinatura. Caso o menor de idade seja emancipado pode vir doar sozinho trazendo o documento de emancipação. Se for casado traz a certidão de casamento que já é suficiente para a lliberação. Também é importante lembrar que a primeira doação somente pode ser feita até 60 anos. Acima desta idade, apenas para quem já é doador de sangue.

 – Peso: Embora a nova lei permita a doação de pessoas abaixo de 50 Kg, a Rede Hemosul-MS reserva-se o direito de aceitar apenas doadores com 55 kg ou mais, para a melhor utilização do sangue coletado e segurança do doador.

 – Intervalo de doação: homens podem doar até quatro vezes ao ano com um intervalo mínimo de dois meses. Mulheres podem doar até três vezes ao ano com um intervalo mínimo de três meses. Após os 60 anos tanto homens como mulheres devem obedecer o intervalo mínimo de seis meses.

 – Doenças que impedem a doação: doenças hematológicas, cardíacas, renais, pulmonares, hepáticas, autoimunes, diabetes,hipertireoidismo, hanseníase, tuberculose, câncer, sangramentos anormais, convulsões, ou portadores de doenças infecciosas transmissíveis pelo sangue como Doença de Chagas, Hepatite, AIDS, Sífilis. Se estiver com gripe ou alergia deve esperar sete dias após sarar para doar sangue.

 – Medicamentos: alguns medicamentos impedem a doação. Portanto fale para o profissional de saúde que for lhe entrevistar os remédios que está utilizando.

 – Vacinas: As vacinas impedem temporariamente a sua doação. Por isso, aproveite para doar sangue antes de tomar a dose de vacina.

 – Alimentação: Não esqueça: você deve estar BEM ALIMENTADO para doar sangue. Como muitos pensam não se pode doar sangue em jejum. É diferente de quando vamos fazer exames laboratoriais de sangue, para os quais o jejum é recomendado. Mas você pode evitar alimentos com excesso de gordura quando vier doar sangue. É recomendado que se alimente bem, porém, de forma saudável.