ALMS empossa novos servidores e inicia curso de formação
Por Redação Publicado 31 de agosto de 2017 às 15:21hs
Maria Cecília disse estar maravilhada com a trajetória que inicia em MS

Formada em Letras, Maria Cecília Pires Carvalho, 26 anos, era pura empolgação na manhã desta quinta-feira (31/8). Natural de Belo Horizonte e residente em Montes Claros, Minas Gerais, ela inicia hoje uma nova trajetória profissional. “Eu não conhecia nada de Mato Grosso do Sul. Somente vim fazer o concurso e agora estou maravilhada com a oportunidade de viver nesta cidade tão bonita”, disse.

Aprovada para o cargo de redatora/revisora no primeiro concurso público da Assembleia Legislativa (ALMS), Cecília foi empossada juntamente com outros 28 colegas. Entre eles, o administrador Alfredo de Paula Silva, 45 anos, que exercerá o cargo de agente de polícia legislativa. “Já morei aqui durante 10 anos, tenho amigos em Campo Grande e minha expectativa é a melhor possível. É muito bom estar aqui”, afirmou o novo servidor, que é natural de Araçatuba (SP) e estava residindo em Itumbiara (GO). Segundo ele, a experiência de 12 anos na área da segurança será muito útil durante o exercício profissional na Casa de Leis.

Maria Cecília e Alfredo representam os concursados que são provenientes de outros Estados, como Espírito Santo, Minas Gerais, São Paulo, Rio Grande do Sul, Amazonas e Goiás. Todos os novos servidores passarão por curso de formação, segundo informou o presidente da Assembleia Legislativa, Junior Mochi (PMDB). Ele explicou que os profissionais que atuarão na área da segurança participarão de capacitação conjunta com a Polícia Militar. Já os demais, receberão treinamento da Escola do Legislativo Senador Ramez Tebet.

No total, 29 concursados tomaram posse, sendo seis cotistas (cinco negros e um com deficiência). “Com relação aos demais, alguns desistiram, e estamos chamando os próximos aprovados, outros estão questionando o indeferimento por parte da Comissão do Concurso, pelo não cumprimento de algum dos requisitos para a posse, e outros estão em processo de finalização do processo para a posse”, informou Mochi.

Ao dar as boas-vindas aos novos funcionários do Legislativo Estadual, o presidente lembrou que o certame foi realizado por uma das instituições mais conceituadas do Brasil, a Fundação Carlos Chagas (FCC), com mais de 17 mil inscritos, e ressaltou a importância deste momento histórico. “Foi um concurso extremamente concorrido e concluímos essa etapa, que adequa a Assembleia Legislativa aos novos tempos. Vocês são os protagonistas desta nova fase, marcada pela transparência, modernização e interação da Casa de Leis com a sociedade. Vamos avançar cada vez, mais fortalecendo o Legislativo na sua missão de bem servir à sociedade”, disse Mochi.

É a mesma opinião do 1º secretário da ALMS, Zé Teixeira (DEM). “Muitas outras Assembleias não fizeram concurso e estou muito feliz hoje ao darmos posse aos servidores, que estão entrando compromissados com o trabalho e vão nos ajudar a escrever uma história do Poder Público ainda melhor”, disse o deputado. Também ressaltou que todos os aprovados estão na Casa de Leis por “capacidade e competência”. Os novos servidores iniciam o trabalho nesta sexta-feira (1/9). Os demais 40 aprovados no certame deverão ser chamados no início do ano legislativo de 2018.

A solenidade de posse, no saguão Nelly Martins, contou com a presença de deputados estaduais, autoridades de outros Poderes, servidores da Casa de Leis e familiares dos concursados. A secretária de Recursos Humanos da ALMS, Marlene Figueira da Silva, elaborou uma mensagem aos novos funcionários, que pode ser lida abaixo:

Mensagem da Secretária de Recursos Humanos

Juntos somos melhores!

Caros colegas servidores:
Estamos passando por um momento de grandes mudanças na história do Poder Legislativo.

Como todos sabem, o concurso público que já havia sido noticiado pela gestão anterior foi integralmente executado pela atual Mesa Diretora, que além de realizar o concurso público oferecendo 80 vagas em diversos cargos, promoveu importantes programas como a aposentadoria incentivada e a reforma administrativa.

Nesta primeira fase foram nomeados 40 candidatos aprovados no concurso, que serão primeiramente submetidos a avaliação pela perícia médica, e, posteriormente, se aptos, tomarão posse e entrarão em exercício.

Quero conclamá-los a fazer uma excelente recepção aos nossos novos colegas servidores, sejamos colaborativos, solícitos, acolhedores e disponíveis para trabalhar em conjunto, pois, o nosso objetivo é, juntamente com a Mesa Diretora, darmos continuidade a prestação dos serviços de maneira séria e responsável para a população do nosso Estado.

Estamos na era do conhecimento. Ninguém é detentor absoluto de saber e informação, portanto, compartilhe seu conhecimento, contribua para que o trabalho seja desenvolvido da melhor forma possível, incluindo o colega que está chegando, para que este se sinta em ambiente harmonioso de trabalho e que possa exercer com responsabilidade suas funções da melhor forma possível.

Tivemos o privilégio de viver o momento de excelente gestão administrativa desta Legislatura, portanto, a nossa contribuição em prestar um serviço de qualidade é fundamental, visto que fazemos parte de uma máquina que contém engrenagem preciosa, sendo que cada peça tem importância significativa e essencial, para a consecução de resultados.

As pessoas, matéria prima mais importante da administração pública, estão inseridas em Recursos Humanos, vamos valorizá-las e trabalhar para que essa máquina funcione adequadamente e dentro dos princípios constitucionais da administração pública.

O meu muito obrigada!

Marlene Figueira da Silva
Secretária de Recursos Humanos

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!