Aécio diz que se eleito avançará na desapropriação na questão indígena
Por Redação Publicado 19 de agosto de 2014 às 11:35hs

O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, afirmou nesta terça-feira (19) que vai avançar na desapropriação de terras para solução do conflito entre indígenas e produtores rurais caso seja eleito. Declaração do presidenciável foi dada em entrevista coletiva durante visita a Dourados, a 214 quilômetros de Campo Grande.
“Vamos buscar a paz no campo, que não será alcançada com a omissão do governo. Vamos avançar na desapropriação de terras”, declarou o tucano. Questionado sobre como faria isso, Aécio disse que vai conversar com a Fundação Nacional do Índio (Funai) e incluir a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) no processo.
Ainda sobre o campo, o peessedebista destacou que é preciso mais investimentos em logística e infraestrutura, com melhorias nas estradas, hidrovias e ferrovias, pois “da porteira para dentro, existe uma excelência”.
Sobre segurança pública, o candidato do PSDB frisou que a região de fronteira necessita de mais investimentos. “Temos que equipar mais a Polícia Federal. O Ministério da Justiça passará a ser o Ministério da Segurança Pública e da Justiça. Os recursos do Fundo Penitenciário Nacional e do Fundo de Segurança Pública serão usados, não serão contingenciados”, afirmou.
Aécio pontuou ainda que tem “um projeto para o Brasil […] que possa fortalecer os municípios.”

Agenda
O presidenciável participa de ato de campanha em Dourados com o candidato tucano ao governo de Mato Grosso do Sul, Reinaldo Azambuja, com o candidato ao Senado Antônio João (PSD) e com candidatos a deputado.
A visita começou na Associação Comercial e Empresarial de Dourados (ACED), onde Aécio deu entrevista coletiva e conversou com empresários. Depois, o candidato participa de carreata pelas principais ruas da cidade e faz caminhada em uma praça. O ato político termina com uma reunião de apresentação de propostas no Clube Nipônico Sede Campo.

Fonte: Nadyenka Castro Do G1 MS, em Dourados

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!